ACIDI visita o Algarve

21-07-2008

Nos dias 15 e 16 de Julho, o Alto Comissariado para a Imigração e o Diálogo Intercultural (ACIDI) visitou a Região do Algarve em mais uma iniciativa "ACIDI Junto das Comunidades".


Cartaz na Junta de Freguesia da Sé

Desta vez, as comunidades algarvias puderam estar "frente a frente" com a Alta Comissária, Rosário Farmhouse, e a sua equipa. Este foi o primeiro "ACIDI Junto das Comunidades" realizado no mandato de Rosário Farmhouse, que assumiu o cargo em Fevereiro deste ano. "Esta iniciativa tem como principal objectivo conhecer melhor a realidade, estar no terreno, e abrange um dos nossos princípios chaves: a proximidade", referiu a Alta Comissária. "O Algarve foi escolhido porque Faro é o segundo distrito do país com maior número de imigrantes", continuou.

A visita começou no dia 15, pelas 10h00, com a chegada da Alta Comissária à Junta de Freguesia da Sé (Distrito de Faro), onde foi instalado o seu gabinete, bem como um gabinete de atendimento com duas mediadoras do Centro Nacional de Apoio ao Imigrante (CNAI) de Lisboa, destinado ao esclarecimento de dúvidas.

Para receber a Alta Comissária estiveram presentes várias personalidades e representantes locais, tais como a Governadora Civil de Faro, Isilda Gomes, e o Presidente da Câmara Municipal de Faro (CMF), José Apolinário e o Director Regional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), José Vander Keller, entre outros.


A Alta Comissária com representantes locais

Após a recepção, a Alta Comissária iniciou a visita pelo Centro Local de Apoio ao Imigrante (CLAI) de Faro, onde aproveitou para reunir com o Presidente da CMF, a Governadora Civil e o Director Regional do SEF. A visita prosseguiu na Ilha de Faro, onde vinte crianças e jovens destinatários do Projecto CRIA (Centro de Recursos Itinerantes do Algarve) estavam a realizar uma actividade de verão na praia: canoagem e vela. O Projecto CRIA é acompanhado e financiado pelo Programa Escolhas. Rosário Farmhouse aproveitou este momento conviver com as crianças e jovens que lá se encontravam.


Visita ao CLAI de Faro


Rosário Farmhouse conversa com jovens na Ilha de Faro

Após o almoço oferecido pelo Governo Civil, a comitiva seguiu para Quarteira onde a Alta Comissária conheceu mais um projecto Escolhas: o Boa Onda, localizado no Bairro da Abelheira, e onde pode contactar com os destinatários deste projecto, que estavam entretidos com diversos jogos lúdicos-pedagógicos. Também estavam presentes parte da equipa técnica e destinatários do Projecto Ludo-Rodas, outro projecto Escolhas localizado em Loulé. Este projecto fez-se representar através da carrinha que, como o próprio nome indica, leva actividades lúdicas, sobre rodas, aos seus destinatários.


Alta Comissária ganha quadro dos destinatários do Projecto Boa Onda


Depois, visitou a carrinha do Projecto Ludo-Rodas

De Quarteira seguiu para Vila Real de Santo António, onde visitou o Projecto "Escolhas Vivas", localizado no Bairro Social 160 Fogos. Este projecto, também do Programa Escolhas, recebeu a Alta Comissária com uma pequena demonstração dos seus ateliês de percussão e de hip-hop e um grande bolo feito por uma participante do projecto. "Este bairro, que é maioritariamente de comunidade cigana, é um exemplo de boas práticas de integração desta comunidade", referiu Rosário Farmhouse. "Aqui, a comunidade cigana está plenamente integrada e participativa, em conjunto quer com comunidades de origem africana, quer com a comunidade portuguesa", continuou.


Rosário Farmhouse assiste à apresentação...


...do grupo de percussão

À noite, após um jantar com diversas organizações do distrito, foi a vez da Gala Intercultural, que aconteceu na Doca de Faro e teve a apresentação da Companhia de Capoeira Contemporânea; do Grupo Doina, um grupo de danças e cantares romenos e moldavos, do Grupo Flamenco do Projecto "Escolhas Vivas"; das "Las Ninãs", grupo de danças ciganas do Projecto CRIA; dos ABPeople, grupo de hip-hop do Projecto Boa Onda e dos NKL, grupo de hip-hop também do Projecto "Escolhas Vivas." "Está a ser uma visita cheia de emoções", enfatizou a Alta Comissária. "Aqui, tivemos a oportunidade de ver que a integração pela arte também é uma óptima forma integração", continuou. "Foi uma noite muito rica", concluiu Rosário Farmhouse.


A Alta Comissária vibra...


...com a Gala Intercultural

No segundo dia…

…a visita começou no Centro de Emprego de Faro, onde a Alta Comissária pode conhecer as instalações e os serviços que este Centro tem para oferecer.


Reunião no Centro de Emprego de Faro

Depois, foi a vez de São Brás de Alportel receber uma visita de Rosário Farmhouse. Esta aconteceu nas instalações do Centro de Apoio à Comunidade onde, para além de funcionar o CLAI deste concelho, funciona também o Centro de Inclusão Digital (CID@NET) de mais um projecto Escolhas: o Projecto @ventura.


Com destinatários do Projecto @ventura

De São Brás seguiu-se para Portimão, onde a Alta Comissária teve a oportunidade de conhecer a Associação Caboverdiana do Algarve e o Centro de Apoio à População Emigrante de Leste Europeu e Amigos (CAPELA). Nesta visita, Rosário Farmhouse e a equipa do ACIDI tiveram uma reunião com os dirigentes de ambas instituições para conhecerem um pouco mais sobre estas e identificarem as suas necessidades.


Com os dirigentes das associações

No seguimento deste ACIDI junto das comunidades, a Alta Comissária foi conhecer o projecto Escolhas "Bairrismundo", localizado em Silves. O almoço, que aconteceu na Fábrica do Inglês, foi oferecido pela Câmara Municipal de Silves não só à equipa do ACIDI, mas também às equipas e destinatários dos projectos Escolhas: Bairrismundo, Boa Onda e Ludo-Rodas. Neste almoço, os cerca de 70 presentes puderam assistir a actuação do Grupo "Evolusom", do Projecto Bairrismundo.


Com destinatários do Projecto Bairrismundo


O almoço na Fábrica do Inglês

Esta visita terminou no CLAI de Lagos, onde decorreu uma reunião com o Núcleo da Associação dos Ucranianos em Portugal, localizado neste concelho.


No CLAI de Lagos

De volta a Faro, o encerramento desta iniciativa foi realizado na Junta de Freguesia da Sé e o balanço feito por Rosário Farmhouse foi bastante positivo. Para além de se terem estabelecido diversos contactos, com diferentes instituições, no sentido de melhorar a qualidade das respostas às necessidades dos imigrantes residentes no Algarve, foram realizados dez atendimentos durante estes dois dias. "Identificámos algumas dificuldades, mas também conhecemos boas práticas de integração de imigrantes nesta região", salientou a Alta Comissária. "Senti uma grande força entre parceiros em todos os concelhos que visitei. Sejam as autarquias locais, sejam as entidades não governamentais, as escolas, as associações de imigrantes, senti que todos estão em sintonia e isto foi muito bom de se ver", continuou. "O Algarve deu o exemplo de que é possível!", concluiu Rosário Farmhouse.


O encerramento na Junta de Freguesia da Sé

Comentários

    Ainda não há comentários. Insere o teu comentário