Segundo dia de Escolhas de Portas Abertas marcado por muita energia

09-04-2017

O segundo dia da iniciativa “Escolhas de Portas Abertas”, dia 9 de abril, foi marcado pela visita da Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Catarina Marcelino, pelos projetos do Porto, Braga e Coimbra, na companhia do Alto-Comissário para as Migrações, Pedro Calado, e da coordenadora da Zona Norte, Centro e Ilhas, Glória Carvalhais.

O dia começou no Pavilhão Professor Miranda de Carvalho, em Vila Nova de Gaia, com inúmeras atividades, aula de zumba, ginástica localizada, passando pela dança do ventre e dinamização de jogos lúdico-pedagógicos. Um leque diversificado de escolhas, oferecidas pelo projeto Escolhe Vilar E6G. Um encontro de boas práticas entre três oficinas de dança e expressão corporal, do projeto Eurobairro E6G, decorreu em Vila Nova de Famalicão, seguindo-se um torneio de futebol entre os participantes dos projetos T3tris E6G, Geração TeclaE6G, CIGA Giro E6G e Galo@rtis E6G, em Braga.

A paragem seguinte foi na Maia, onde decorreu a Feira Intercultural Maiata “Sete Cantos do Mundo”, com demonstrações culturais, gastronómicas e animação no Mercado Coronel Carlos Moreira, numa organização do Bué de Escolhas E6G. Gondomar foi palco de uma feira e demonstração de saberes, de uma sessão de partilha sobre diferentes percursos de vida, de um momento de degustação e de uma oficina de música, cortesia dos projetos A ESCOLHA É TUA! E6G, P@ssport’IN E6G, Caminhos Cruzados E6G e Trilhos D’Ouro E6G. O dia terminou na Figueira da Foz, com a comemoração do Dia Internacional d@s Cigan@s, que incluiu Teatro, exposição de fotografia, apresentação de um grupo de dança e música e uma pequena demonstração de comida típica preparada pela comunidade.

Dois dias cheios de energia Escolhas que, segundo a Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Catarina Marcelino, "demonstram a importância e o impacto que este programa tem na vida dos jovens, pois permite a construção de uma sociedade com igualdade de oportunidades. O Escolhas é uma ferramenta importantíssima no combate à exclusão social e uma aposta que o Governo quer dar continuidade". Há 16 anos que o Escolhas, atualmente na 6ª Geração, transforma e melhora a vida de muitos jovens. Para o Alto-Comissário para as Migrações e Coordenador Nacional do Programa Escolhas, Pedro Calado, "esta visita permite ir ao terreno e celebrar aquilo que são as conquistas do programa, mas também perceber as necessidades. O poder do Escolhas é conseguir transformar um ideal numa ação, é como o toque de Midas, e eu sinto-me como o "chefe" desta fábrica de sonhos. Eu saio hoje, desta visita de dois dias, de alma cheia por ver que temos conseguido mudar a vida de muitos jovens", frisou.

O “Escolhas de Portas Abertas” irá decorrer até dia 11 de abril, através de 112 projetos da 6ª Geração Escolhas, distribuídos por todo o território português (Norte, Centro, Lisboa, Sul e Ilhas) e Internacional (Reino Unido e Luxemburgo) que irão dinamizar mais de 200 atividades, como exposições, visitas, festivais, danças, workshops, teatro, entre outros eventos.

Comentários

    Ainda não há comentários. Insere o teu comentário